Versos para um jovem educador

O poema abaixo foi retirado do livro “Cartas a Jovens Educadores/as”, que nasceu da necessidade do autor André Gravatá de provocar mais jovens a se envolverem na área da educação.

Emoções pulsam-lhe no peito
quando brota da memória
o tanto que já foi feito
na linda breve trajetória.

Relembre seu início
aqueles que o tocaram
recorde o traço do percurso
entenda porque o inspiraram.

Memória que assesta o rumo
anima cada alvorada
agulha que aponta o norte
e reconduz à jornada.

Mestres que o rodearam
falam dentro de você
consulte-os pelo caminho
conte-lhes tudo o que vê.

Abrace mudanças imprevistas
o poder da insatisfação
aproveite-as para conquistas
educar reluz transformação.

Acolha seus pupilos
escolha tê-los por perto
priorize o vínculo
o que move é o afeto.

Diversifique formatos
o criar é sua potência
multiplique estratégias
sem perder o que é essência.

Somos finitos na forma
infinitos na memória
podemos legar uma reforma,
rastros a deixar na história.

Escreve aqui um cúmplice
no ideal e na vontade
uma legião de amigos
outros jovens na verdade.


Rodrigo Hübner Mendes tem dedicado sua vida para garantir que toda pessoa com deficiência tenha acesso a educação de qualidade na escola comum. É professor e pesquisador sobre educação inclusiva, membro da rede de empreendedores sociais Ashoka e do Young Global Leaders (Fórum Econômico Mundial). Há 25 anos fundou o Instituto Rodrigo Mendes, que desenvolve pesquisas, consultoria e programas de formação em diversas partes do mundo.

Compartilhe este conteúdo com seus amigos.
Comente ou compartilhe nas mídias sociais: