Como ensinar idiomas para crianças com autismo e déficit de atenção?

Olá,

Meu nome é Libi. Sou professora de idiomas em uma escola regular. Hoje trabalho com crianças de 2º e 3º ano do fundamental I e ao todo tenho 10 alunos com necessidades especiais diversas como transtorno do espectro a autista (TEA) e transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDHA) e outros não especificados.

Como dou aula de idiomas não tenho muito material de apoio e acabo desenvolvendo tudo sozinha. Gostaria de saber se alguém pode me ajudar e trocar ideias, pois estou com dificuldades de inserir essas crianças na sala de aula.

Obrigada.

Língua estrangeira

1 resposta

Por Flavia Barata e Conde em 18/11/2016

Libi, sou a Flavia, uma das diretoras da escola de idiomas Language in Life, em Moema, SP. Temos alguns alunos com deficiência na nossa escola, e o que fazemos com sucesso é usar muitos recursos visuais, como “flashcards” e muitos recursos reais (para falar de animais, bichos de plástico, para falar de comidas, comidas de verdade, etc). Quando as crianças são menorzinhas, e temos casos, usamos também recursos com texturas e temperaturas diferentes para tornar a aula mais “real” e mais “natural” para o aluno com deficiência… Se você se interessar mais em conhecer nossa metodologia, podemos nos conhecer e podemos convidar você para nossos treinamentos que ocorrem sempre pelo menos duas vezes ao ano, em janeiro e julho, em SP. Estamos às ordens! moema@languageinlife.com.br ou 11 966436161

Esta resposta te ajudou?
Conhece alguém que pode responder? Compartilhe um link para a pergunta.
Comente ou compartilhe nas mídias sociais: