Karyna Patrícia dos Reis Maia

Teatro em espanhol com tradução simultânea representado pelos alunos visando a diminuição do preconceito linguístico existente em nossa região.

Para a realização do Projeto ”Todos Juntos no Floriza”, fizemos um levantamento quantitativo das necessidades, das dificuldades e do conhecimento pertinente à luz do processo de inclusão na Escola.

Partimos de um diagnóstico em que atendemos alunos com deficiência auditiva, Síndrome de Down, deficiência física e alunos com deficiência intelectual. Realizamos uma pesquisa de percepção com todos os educadores da escola, onde percebemos que os professores dos alunos com as deficiências acima citadas, sentem-se desafiados para atender esta clientela, uma vez que não se dispõe de qualificação e tão pouco a escola oferece condições físicas que possam auxiliar no desenvolvimento de habilidades significativas para tais alunos, conforme suas especificidades.

Construímos um plano de ação para a realização dos processos do projeto envolvendo a comunidade escolar por meio de encontros, palestras, entrevistas, momento cultural, apresentação de vídeos e teatro em espanhol fazendo o uso da língua materna de alunos bolivianos. Com o desenvolvimento destas atividades, suscitamos nos profissionais da escola algumas motivações para trabalhar com os alunos através de uma aprendizagem significativa, principalmente na professora do 2º Ano que atende uma aluna de 09 anos com Síndrome de Down. Segundo relatos da professora, a aluna começou despertar e desenvolver habilidades cognitivas e sociais, que até então não haviam sido desenvolvidas. As palestras e os encontros ampliaram nos educadores a busca pelo conhecimento e inovações nas práticas pedagógicas, a equipe gestora se envolveu tanto nas atividades quanto no apoio ao projeto de educação inclusiva.

Com o projeto percebeu-se que o maior problema não está em incluir estes alunos na escola e sim, no “como” trabalhar as diferenças, o que acabou levando a mudar um pouco o rumo do processo inicial, que tinha como foco o aluno, e estendeu-se para o quadro docente. Para a consolidação do processo de inclusão na escola, serão incluídas nas ações do Projeto Político Pedagógico algumas diretrizes, partindo da formação continuada com a comunidade escolar, contando com parceiros que possam nos apoiar nesta ação para a garantia dos direitos de pessoas com deficiência.

 

Participante do Monitoramento de projetos em educação inclusiva – 2013

Compartilhe este conteúdo com seus amigos.
Comente ou compartilhe nas mídias sociais: